Os Benefícios dos Animais de Estimação para a Saúde Humana

Os animais de estimação, gatos, cachorros, tartarugas, peixinhos, pássaros e cavalos, quem os tem em casa, sabem o trabalho que dão. Eles ocasionam gastos, responsabilidades e mudanças no dia a dia da família.Porém, todo o trabalho que temos com eles é pouco, comparado aos benefícios que eles oferecem para a nossa saúde e bem estar, desde os bebês até os idosos.

Benefícios Proporcionados pelos Animais:

Saúde: De acordo com pesquisadores os donos de cães e gatos contraem menos doenças, e quando ficam doentes, melhoram mais rapidamente do que os donos de animais de estimação que não possuem animal de estimação.
Exercício físico: Levar seu animal de estimação para passear todos os dias, é um ótimo exercício para se fazer uma caminhada
Vida Social: Realizar passeios com seu animal, é muito melhor do que caminhar sozinho, porque atrai a aproximação de pessoas, dando a possibilidade de se fazer novas amizades.
Estresse: De acordo com pesquisadores, o convívio com um animal de estimação diminui a tensão da rotina e deixa o  trabalho do dia a dia mais agradável, liberando os hormônios dopamina e endorfina, que têm a função de reduzir a ansiedade e relaxar o corpo. Uma simples atitude de carinho com o animal de estimação já nos deixa mais leves, diminuindo nossas atitudes agressivas, reduzindo assim os níveis de cortisol, hormônio que dá sensação de prazer e bem-estar, ele controla o estresse, quando está alto, é responsável pelo aumento de peso, diminuição de testosterona e risco de Síndrome de Cushing.
Mulher: De acordo com cientistas japoneses, uma pessoa de sexo feminino que cria um filhote de cão ou gato, aumenta o nível de ocitocina, hormônio produzido quando uma mulher é mãe e amamenta seu bebê, ocasionando sensação de bem estar.
Casal: Estudiosos americanos no assunto mostraram que casais que têm animal de estimação no lar, estão em mais harmonia do que os que não possuem esses animais. Servir também como aprendizado para um futuro recém nascido.
Idosos: Os animais de estimação diminuem a solidão e o isolamento das pessoas idosas, reduzindo bastante o aparecimento de depressão. Os idosos que possuem animal de estimação são mais animados e sociáveis e se sentem mais úteis por fazerem os trabalhos de rotina e se sentirem mais responsáveis.
Crianças: Um animal de estimação ajuda no desenvolvimento da disciplina, responsabilidade, fidelidade, socialização e melhora a autoestima da criança. Auxilia no aprendizado da criança  e a ensina a lidar com situações comuns de vida como nascimento, doença e morte.
Alergia: Para evitar a presença de alergia, muita gente se desfaz de seus bichinhos quando vão ter filhos, mas as pesquisas afirmam que as crianças criadas com cães ou gatos têm menos chances de desenvolver alergias à poeira ou fungos, pois aumentam as defesas do organismo. Lembrando que os benefícios dependem da higiene do animal e do seu habitat, em especial com crianças pequenas que não possuem a noção de higiene.
OS BENEFÍCIOS EMOCIONAIS PROPORCIONADOS PELOS ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO
Além da companhia deles, o período que passamos com os animais de estimação pode funcionar como terapia. As trocas de carinho, conversa, ensinamentos e brincadeiras com os animais de estimação diminuem o estresse e a ansiedade.Todas as pessoas gostam de chegar em casa depois de um dia cansativo de trabalho e serem recebidas com festa.  Esse contato produz alegria, ocasionando a liberação do hormônio endorfina ao cérebro, causando relaxamento e bem-estar.Pesquisas mostram que os animais de estimação ajudam na perda de entes queridos, combatendo a depressão e a solidão.
OS BENEFÍCIOS DOS ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO PARA A SAÚDE
Muitos hospitais, postos de saúde e centros sociais utilizam animais de estimação como forma de tratamento para pacientes, pessoas abandonadas, crianças e idosos com doenças crônicas.Um método bastante conhecido e utilizado para beneficiar a saúde é a equinoterapia, terapia usada com cavalos para passeios. É método muito utilizado no tratamento de pessoas com deficiência mental e apresenta excelentes resultados.OS BENEFÍCIOS DOS ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO PARA AS CRIANÇASDe acordo com o que foi descrito antes, os animais de estimação não provocam alergias para as crianças. Alguns estudos citam que crianças com até cinco anos que têm contato com animais se tornam mais resistentes às doenças como alergias e infecções respiratórias. Só quando a criança já possui diagnóstico de algum tipo de alergia respiratória, não se recomenda a convivência com animais de estimação.

OUTROS BENEFÍCIOS DOS ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO PARA A SAÚDE HUMANA:

Mais Responsabilidade: O animal de estimação precisa de cuidados como higiene, comida, banho e brincadeiras. Quando a criança faz parte destas tarefas, são influenciadas para desenvolver a responsabilidade e a autoestima, como também a afetividade e experiência com muitas situações que a vida oferece: alegria, frustração, doenças, perda e dor. Aos 3 anos, a criança passa a ter habilidades motoras e passa a entender como se relacionar com o seu animal de estimação. À proporção que a criança cresce, há a possibilidade de serem atribuídas outras habilidades e tarefas.

Melhor Relacionamento: A criança que convive com animais de estimação, aprende também a se relacionar com as pessoas e outras crianças, desenvolvendo assim, as maneiras de observar, de solidarizar, de ser generosa, sentimento de afeto, de respeito, de compartilhar, de compreender as situações diversas e se tornam mais carinhosas. Ficam mais animadas para as atividades recreativas.

Maior Desenvolvimento Motor: Os animais de estimação estimulam as crianças a exercitarem exercícios por meio de brincadeiras  ao ar livre, como jogos e corridas, auxiliando a melhorar as habilidades motoras.

Mais Aprendizado: Brincar com o animal de estimação melhora o linguagem e a memória, estimula a aprender as cores, tamanho dos objetos, noção de certo e errado, diferenças e semelhanças e respeitar os outros animais e as pessoas.

Melhora a Saúde: Os animais de estimação têm a capacidade de melhorar as condições físicas, sociais, emocionais e cognitivas. Por conta disso, são também indicados para acompanhar deficientes como cegos e surdos, pessoas com dificuldades de coordenação motora, atrofias musculares, autistas, paralíticos cerebrais, portadores de Síndrome de Down e outras síndromes de comportamento.

Fazem Companhia: Um animal de estimação é uma excelente companhia para as crianças únicas que passam parte do tempo sozinhas. Para as que possuem irmãos, o animal de estimação ajuda na melhor relação entre eles, isto é, mais harmonia e menos brigas.

Em relação aos pais, são eles que deverão decidir quando a criança está preparada para ter um animal de estimação. Na fase de adaptação, é necessário ter paciência com ambos, a criança e o animal de estimação. É importante tratar o mesmo com carinho, porque em caso contrário, a criança vai aprender que maus tratos são normais, praticando esta agressividade para outras relações cotidianas.

Também faz-se necessário ensinar a criança que se o animal de estimação fizer alguma coisa errada como não obedecer, fazer as necessidades fisiológicas em local inadequado, a criança não deve sentir se sentir irritada e entender que o animal está em fase de aprendizagem e fazer com que ele aprenda a atitude certa.

A convivência da criança com um animal de estimação vai auxiliá-la na sua personalidade e nos valores morais que a acompanharão durante toda a vida.

Fonte: Tua Saúde

Imagens: Pixabay

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *