Espondilose

É uma doença que acomete ambos os sexos e com frequência aparece após os 40 anos de idade, sendo um problema que aparece nos profissionais com duras funções. Resumindo, existem diversos grupos de profissionais, como os agricultores, os estivadores, os pescadores e as empregadas domésticas que, consequentemente estão predispostos a maior desgaste articular, mais propensos a esta doença, que poderá afetar todas essas pessoas.

Sintomas
Na coluna lombar, as dores são idênticas a “moínhas” na maioria dos casos, porém podem surgir episódios agudos bastante dolorosos, lancinantes, em guinada e de curta duração, chamados lumbagos.

Em outras ocasiões as dores lombares com as mesmas características do lumbago,se irradiam ao longo da face posterior ou póstero-externa do membro inferior, no trajeto do nervo ciático, denominando-se dores ciáticas. A ciática acompanha é acompanhada com freqência de formigamentos e dormência dos membros inferiores e se agrava com os esforços para tossir, espirrar, rir e evacuar (manobras de Valsava).

Tratamento
O mais adequado tratamento da espondilose é o repouso, preferencialmente numa superfície dura. No período de algumas horas a alguns dias são quase sempre adequados para que o lumbago e a ciática melhorem evidentemente.

Apesar de tudo, a maior parte dos casos precisa de tratamento medicamentoso, podendo ser necessário ser prescritos analgésicos, anti-inflamatórios não esteroides e relaxantes musculares.

Algumas pessoas com ciática pioram logo nos primeiros dias da fase de repouso, não significando ineficácia do tratamento, devendo eles prosseguir com o mesmo plano de tratamento terapêutico.

https://go.hotmart.com/O5592252

https://app.monetizze.com.br/r/ABL212415

Fonte: Pesquisa online
Imagens: Bing.
Imagem de Amostra do You Tube

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *